Autenticar

Autenticar

A Brigada de Sapadores Florestais, da CIM Viseu Dão Lafões, ao terminar o seu processo de formação e capacitação iniciou o trabalho na região no passado dia 18 de junho.

Até ao momento procederam, no âmbito do serviço aos municípios, a trabalhos de silvicultura preventiva no concelho do Sátão, nas localidades de Vila Longa e Sátão.

Atualmente e durante os próximos dias, no âmbito do serviço público, estão a realizar faixas de gestão de combustíveis no Perímetro Florestal de São Salvador, no concelho de Viseu, na manutenção e beneficiação de Rede Primária, numa área total de aproximadamente 36 hectares.

Com este trabalho pretende-se contribuir para a diminuição da superfície percorrida por grandes incêndios, permitindo e facilitando uma intervenção direta de combate aos incêndios rurais e assim aumentar a resiliência do território.

A CIM Viseu Dão Lafões acolheu hoje, dia 25 de junho, as primeiras reuniões do projeto de Reengenharia e de Transformação Digital dos Processos Municipais.

Este projeto, integrado na Candidatura “Modernização Administrativa na Região Viseu Dão Lafões - 1 Modelo, 14 Municípios”, visa aumentar a eficiência e eficácia dos processos de trabalho, através da alavancagem de um novo paradigma de reengenharia, simplificação e desmaterialização de processos, suportado em metodologias e práticas de harmonização regulatória e de transformação digital dos processos e serviços prestados pelos municípios.

De entre as ações previstas no âmbito do projeto está a adoção de uma ferramenta de gestão e manuseamento, em formato totalmente digital, de toda a documentação (externa ou interna) relativa aos processos de urbanismo, construção e instrução dos pedidos e formalidades de urbanismo, e o desenho e implementação de um modelo de cooperação  e transformação digital dos municípios, adotando metodologias de trabalho em equipa, desenvolvimento de competências e autonomização dos municípios.

A Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões realizou, no passado dia 6 de junho, um seminário de ‘Modernização e Inovação na Administração Pública Local’.

O seminário, que contou com cerca de 100 participantes, realizou-se no âmbito da candidatura de “Modernização Administrativa na Região Viseu Dão Lafões – Um modelo, catorze municípios”, financiada pelo programa operacional CENTRO2020, com um valor superior a 2,5 milhões de €, que serão aplicados na transformação digital, melhoria da eficiência e no aumento da transparência dos municípios da região.

Num contexto em que a sociedade se transforma, interconecta e automatiza, absorvendo tecnologias digitais, os serviços públicos devem, eles próprios, promover a sua transformação digital, adequando-se às necessidades dos cidadãos e das empresas.

“O crescente emprego das tecnologias digitais em todos os setores da sociedade, projeta a necessidade, cada vez mais urgente, de que todos os seus cidadãos tenham acesso às Tecnologias da Informação e Comunicação e competências digitais para as utilizar”, refere Nuno Martinho, Secretário Executivo da CIM Dão Lafões.

Assegurar a generalização do acesso equitativo às tecnologias digitais a toda a população, para obtenção de informação, comunicação e interação, promovendo a participação cívica e envolvendo toda a sociedade, tornou-se num dos principais desafios das autarquias.

Sob o mote da transformação digital e inovação dos serviços públicos e do estímulo à participação e inclusão dos cidadãos, o seminário de Modernização e Inovação na Administração Pública Local deu uma perspetiva de como uma estratégia adequada, suportada pelas melhores soluções, pode ser utilizada para promover o envolvimento dos cidadãos na gestão dos territórios e simplificar a sua relação com as autarquias.

Newsletter

Siga-nos

 

Fale connosco

 Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.   
  +351 232 812 156          +351 232 812 157
  Rua Dr. Ricardo Mota nº 16, 3460-613 Tondela