Autenticar

Autenticar

Decorreu no sábado, dia 1 de abril, a 2ª e última sessão do colóquio “A Aprendizagem das crianças e jovens no século XXI”. Com organização da Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões, em parceria com os quatro Centros de Formação de Professores da Região, esta iniciativa decorreu no âmbito do projeto “Empreendedorismo nas escolas da CIM Viseu Dão Lafões”.

Este último dia começou com a apresentação, pelo Secretário Executivo da CIM Viseu Dão Lafões, Nuno Martinho, do projeto “Promoção do Sucesso Educativo em Viseu Dão Lafões”, tendo-lhe seguido a consultora deste projeto, Clara Correia, que expôs a estratégia e a metodologia de implementação, do mesmo, no território Viseu Dão Lafões.

Com a participação de cerca de 250 professores, este colóquio, destinado aos docentes de todos os níveis de ensino, contou ainda com o painel “Como ensinar as crianças e jovens no século XXI?”, onde Jorge Rio Cardoso, professor no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas e autor de vários livros na área do ensino, falou sobre “Como podem os professores educar para a vida?”.

Vânia Neto, colaboradora da empresa “Microsoft”, apresentou um projeto para as escolas na área da tecnologia. Wendeline Feltz, fechou o painel, com a apresentação de um trabalho, que está a ser desenvolvido pela Fundação Belmiro de Azevedo e que pretende estudar e identificar os problemas da escola.

O último painel do dia foi dedicado a workshops temáticos de desenvolvimento de dinâmicas de grupo e atividades pedagógicas em áreas tão diversas como “Liderança para crianças”, “Coaching para professores”, “Ferramentas digitais inovadoras para a educação”, “Sala de aula do futuro” e “Programação para crianças”.

Este colóquio teve como objetivo promover momentos de partilha e reflexão sobre a educação do século XXI, compreender quais as competências exigidas às crianças e jovens atualmente e, acima de tudo, perceber quais os desafios que são colocados às escolas, aos professores e aos educadores neste contexto.

 

Já encerraram as inscrições para a 2ª edição do concurso, de âmbito nacional, para captação de ideias de negócio – Wanted Business Ideas – que tem como objetivo criar novas empresas e potenciar novos empreendedores.

Esta iniciativa promovida pela Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões (CIM Viseu Dão Lafões) contou com 79 candidaturas, não só de Viseu Dão Lafões, mas também, de várias partes do país, como Guarda, Leiria, Aveiro, Lisboa, Porto, Braga, entre outras. As ideias de negócios apresentadas têm uma forte incidência na valorização económica dos recursos territoriais, sendo que setores como os das tecnologias de informação e comunicação, economia social, indústria, entre outros, tenham sido, também, a razão para a apresentação de muitas das ideias de negócios.

Este concurso de ideias de negócio irá agora passar para a fase seguinte e que consiste na realização de oficinas de criatividade e geração de ideias onde os candidatos terão a oportunidade de trabalhar as suas ideias de negócio e de gravar um vídeo pitch de apresentação que será, posteriormente, visionado pelo júri do Concurso.

Posteriormente, os concorrentes irão realizar um Bootcamp de imersão de ideias, sessões de coaching individualizado e, na última fase, realizar-se-á a final do concurso de ideias de negócio.

O concurso irá distinguir as três melhores ideias de negócio. O grande vencedor será o único que irá receber um prémio no valor de 10 mil euros, no entanto, os três premiados vão beneficiar de incubação gratuita, numa das incubadoras da Rede Regional de Empreendedorismo Viseu Dão Lafões, com a possibilidade de utilizar os serviços da mesma e ainda lhes serão atribuídos os serviços de design, desenvolvimento web e audiovisual composto pela criação de logótipo e economato (Pack Brand Light), Website start e ainda um spot TV MotionGraphics.

A ideia vencedora da 1ª edição do Wanted Business Ideias – Climber Hotel – já está no mercado, é uma startup que desenvolveu um algoritmo que permite otimizar as receitas de um hotel, com uma solução inteligente que deteta automaticamente novas oportunidades de aprimoramento de receita e recomenda ações em tempo real. É uma solução especializada em políticas de preço e de definição de preço do alojamento tendo em linha de conta algumas variáveis.

Este concurso é promovido e organizado pela Rede Regional de Empreendedorismo Viseu Dão Lafões, sob a coordenação da CIM Viseu Dão Lafões e conta com a colaboração do Instituto Politécnico de Viseu, a Associação Empresarial da Região de Viseu e com o apoio institucional da Federação Nacional de Associações de Business Angels, do Clube Business Algels Viseu Dão Lafões e do Crédito Agrícola.

Na sequência do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido no âmbito da rede de trabalho da Coesão Social, realizou-se, no dia 30 de março, uma reunião de trabalho, com os diversos parceiros da rede, do “grupo de trabalho 2”, com o intuito de preparar os investimentos previstos no Pacto para o Desenvolvimento e Coesão Territorial (PDCT), no domínio da Inclusão Social, que permitam a definição de linhas estruturadoras para o desenvolvimento de projetos a implementar na região.

Newsletter

Siga-nos

 

Fale connosco

  Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.   
  +351 232 812 156          +351 232 812 157
  Rua Dr. Ricardo Mota nº 16, 3460-613 Tondela