Autenticar

Autenticar

Tondela

O Concelho de Tondela tem vindo a registar um grande desenvolvimento e crescimento, sobretudo durante estes últimos anos, fruto de um conjunto significativo de investimentos estruturantes, em áreas tão diversas como a Requalificação Urbana, Proteção Civil e Segurança, Desporto, Património, Transportes, Habitação, Novas Tecnologias, Ambiente, Juventude, Cultura, Saúde, Educação, Acessibilidades, Desenvolvimento Económico, Ação Social, Equipamentos e Infraestruturas.

Na senda do processo de Desenvolvimento Económico, as atividades económicas, reflexo de um conceito de desenvolvimento económico integrado e sustentado, os agentes económicos têm decidido estabelecer-se e apostar nas potencialidades e recursos endógenos do Concelho.

No sector do comércio e dos serviços são visíveis a instalação e a laboração de novos agentes comerciais associados a grandes redes nacionais na área da venda a retalho e grandes superfícies ou na área das telecomunicações, entre outras.

Já no decisivo domínio da indústria – não obstante a conjuntura nacional caracterizada pela constante deslocalização – o Concelho de Tondela, têm sabido, aqui, inverter o ciclo nacional, sendo um dos Concelhos mais industrializados da nossa região, encontrando-se aqui sediadas algumas das mais importantes empresas da região.

Neste domínio, tem-se registado uma consolidação significativa dos índices de industrialização, ao nível distrital e regional, assentes em infraestruturas rodoviárias funcionalmente afetas aos Parques Industriais, beneficiando ainda de uma localização geoestratégica privilegiada.

Neste sentido, os Parques Industriais situados no Concelho de Tondela têm respondido às crescentes solicitações por parte dos agentes do sector. Adiça/Tondela, Vilar de Besteiros e Lajedo/Santiago de Besteiros têm-se revelado, a este nível, locais apetecíveis.

No âmbito do desenvolvimento local, salienta-se ainda a aposta no mundo rural, dinamizando atividades tais como o Mercado AO’SABOR, que pretende promover os produtores e artesãos locais e os produtos endógenos. Estas ações apoiam e incentivam simultaneamente o empreendedorismo de base local, que, num tempo de crise, assume uma importância fulcral.

O Município, na senda do desenvolvimento local e regional, promove o projeto TONDELA+10 que tem como principais objetivos potenciar a capacidade empreendedora e de atratividade do concelho, a criação de emprego e a valorização do território, fixando o conhecimento científico e tecnológico e recursos humanos qualificados e com elevada capacidade criativa.

No campo das energias alternativas, o Concelho de Tondela assume igualmente uma posição liderante, no contexto regional, com três parques eólicos - os Parques Eólicos “Ventos do Caramulo” (situado nas freguesias de Caparrosa, Guardão e Silvares), do Cadraço (freguesia de Guardão) e de Alto de Monção (freguesia de Mosteirinho) - que geram uma produção anual de energia elétrica, capaz de abastecer 90.000 habitantes.

Na verdade, as taxas percentuais relativas ao crescimento económico e ao desemprego - inevitavelmente associadas – comprovam no Concelho de Tondela uma taxa de crescimento económico claramente acima da média nacional.

No campo das acessibilidades, os acessos facilitados do ponto de vista rodoviário, com ligações cómodas à A25 e à A24 e à futura autoestrada Viseu/Coimbra, através da EM 627 e, com isso, aos principais centros urbanos do País (Porto, Aveiro, Coimbra e Lisboa), e às principais infraestruturas aeroportuárias e ferroviárias, bem como ao país vizinho, conferem ao Concelho uma localização geoestratégica privilegiada no quadro nacional, transformando-o numa placa giratória para a circulação de bens e serviços fundamentais para a região; por outro lado, na nossa rede municipal, foi feito um esforço notável no sentido da melhoria daquelas vias, designadamente nas ER 228 e 230, a ligação entre a EM 627 e a ER 230, junto à nova Escola de Molelos/Tondela e a Circular Interna a Tondela de Acesso à ER 230.

O processo de desenvolvimento do Concelho, do ponto de vista económico, não tem desviado as atenções do Município de Tondela sobre a necessidade de promover a requalificação urbana de um conjunto de locais com potencialidades conjugadas do ponto de vista urbanístico e ambiental.

Nessa medida, verificamos, por todo o Concelho, em diversas localidades, a criação ou requalificação de espaços de lazer, de verdadeiros centros cívicos, de que são exemplo os Centros de Animação Local, cuja importância se traduz da frequência e na dinamização destas áreas como fóruns de encontro, de comunhão, de fruição e de dinamização dessas localidades, conferindo-lhes uma interpretação harmoniosa do próprio espaço urbano, como que reinventando-o.

A requalificação do Largo Anselmo Ferraz de Carvalho, em Tondela, a requalificação do parque do Sr. dos Aflitos e do Parque das Almas, em Mosteiro de Fráguas, a requalificação da Mata de S. João do Monte, a requalificação do Monte do Calvário em Campo de Besteiros, que se vêm juntar aos Parques Urbanos de Lajeosa do Dão, de Campo de Besteiros e de Santa Luzia, no Botulho, para além de muitas outras requalificações a este nível, – Regeneração Urbana da Zona Histórica de Tondela, a Praça Besteiros, a 2ª Fase do Parque Urbano de Tondela - demonstram a preocupação da Autarquia neste domínio, consubstanciando um novo entendimento dos núcleos urbanos originários: a sua dinamização e o apelo à sua reocupação.

No Ambiente, as preocupações têm sido crescentes em vários níveis, procurando-se traçar uma estratégia que assenta no aumento dos espaços verdes, na requalificação urbana, no projeto de recolha de óleos alimentares, na melhoria do serviço na recolha seletiva de resíduos, na instalação, em parceria com a EDP, de reguladores de fluxo de iluminação, no combate ao desperdício no consumo de água pública, na candidatura, no âmbito do QREN, à instalação de painéis solares nos edifícios públicos, entre muitas outras, sublinhando ainda pelo seu impacto e volume financeiro do investimento que lhe está associado três grandes outros projetos, num valor global de 114.000.000,00 €: os Parques Eólicos, a Central de Valorização Orgânica – situada no Aterro Sanitário gerido pela Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão - e a Barragem do Paúl (Mosteiro de Fráguas).

Na área da Saúde, o concelho possui uma importante rede de Extensões de Saúde, mas onde continua a ser uma preocupação permanente garantir o número de profissionais que satisfaçam a oferta dos cuidados primários adequados. Merece também destaque, no quadro do centro Hospitalar Tondela-Viseu, o Hospital Cândido de Figueiredo, onde se verifica um aumento das cirurgias em ambulatório, fruto da estratégia que foi implementada na valorização dos blocos operatórios deste hospital, a que se deve associar o aumento de consultas externas proporcionadas nesta unidade.

No domínio do Desporto, o Concelho beneficia de um conjunto significativo de equipamentos desportivos que permitem a realização de diferentes atividades dinamizadas pelo Município e movimento associativo e cujas condições e qualidade têm sido reconhecidas no acolhimento de eventos desportivos a nível nacional. Salientamos ainda uma série de projetos desportivos que envolvem diferentes faixas etárias, a saber, projeto “Saúde em Dia”, o Centro Municipal de Marcha e Corrida, Jogos Desportivos do Concelho de Tondela e Torneio de Futebol Inter-Freguesias.

Quanto à Educação, gostaríamos de destacar a construção das Escolas EB 0 de Tondela, do Centro Escolar de Campo de Besteiros e da Escola Secundária de Molelos/Tondela, e as intervenções nos Jardins de infância e escolas do primeiro ciclo das diferentes freguesias. O Município continua a desenvolver diversos projetos educativos, há muito implementados no nosso Concelho, dos quais se destacam o Programa das Atividades de Enriquecimento Curricular, o Regime de Fruta Escolar, “Alimenta-te Bem, Cresce Saudável”, o Sarau Cultural e “Minis em Ação”.

Na área da Cultura, sublinhamos a oferta cultural do concelho com iniciativas promovidas pelo Município em parceria e articulação com o dinâmico movimento associativo local, tais como, exposições, peças de teatro, oficinas e escolas de música, concertos, colóquios, debates, feiras, concursos, reforçando o objetivo de construir uma programação diversificada e de qualidade. Neste contexto, salientamos a realização das Marchas de Santo António, a Ficton, e em estreita parceria com a Associação Cultural e Recreativa de Tondela (ACERT) - a Queima do Judas, o Tom de Festa, o FINTA.

Destacamos ainda os equipamentos culturais, nomeadamente a Galeria de Exposições do Mercado Velho, o Museu Terra de Besteiros e a Biblioteca Municipal Tomaz Ribeiro e o projeto de conservação e musealização da estação de Arte Rupestre ao ar livre de Molelinhos.

A FICTON, organizada pelo Município, assume-se todos os anos como uma demonstração de todo o potencial do Concelho e como um estímulo à sua atividade empresarial e ao seu setor produtivo. Neste espaço é possível encontrar um conjunto de atividades económicas e de espaços de negócio, para além da habitual mostra de artesanato, dos saberes e sabores regionais e as representações das freguesias. 

No Turismo destacamos as ofertas diferenciadas do nosso território, quer do ponto de vista ambiental, paisagístico, patrimonial, onde contrasta gastronomia com tradições seculares, cultura com termalismo, desportos radicais com festividades religiosas, transformando Tondela num misto de sabores e sensações. Salientamos também as diversas rotas dos Percursos Pedestres, o Caminho de Santiago, a Ecopista do Dão, e todo o potencial da marca Caramulo, que congrega um conjunto de eventos que vão desde o Caramulo Motorfestival à Semana Gastronómica do Cabrito e da Serra do Caramulo.

Por outro lado, atentos os 373 quilómetros quadrados do concelho de Tondela e a sua significativa dimensão geográfica, as parcerias estabelecidas entre o município e as diversas freguesias têm-se revelado um instrumento fundamental no que à coesão territorial diz respeito e, consequentemente, no seu desenvolvimento equilibrado e harmonioso, através de inúmeros acordos de cooperação técnica e financeira na linha da desconcentração e da descentralização de competências para as autarquias ainda mais próximas das populações, considerando a capacidade efetiva para enfrentar e resolver muitos problemas das populações, em boa parte como consequência do conhecimento mais aprofundado desses problemas, que só uma efetiva proximidade permite.

Por último, o Município de Tondela assume um protagonismo crescente ao nível do associativismo municipal, na medida em que aqui estão sediadas duas importantes comunidades intermunicipais: a Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão (AMRPB) e a Comunidade Intermunicipal Viseu Dão Lafões (CIM Viseu Dão Lafões).

A primeira – AMRPB -, sediada na freguesia de Barreiro de Besteiros, tem por objeto a intervenção ao nível das redes de abastecimento público de água, de infraestruturas de saneamento básico, do tratamento de águas residuais e de resíduos sólidos urbanos.

É, resumidamente, um registo de um dinamismo e entusiasmo muito apreciável, com projetos que projetam Tondela, as suas Terras e as suas Gentes para a primeira linha de desenvolvimento e do progresso, transformando o Concelho num importante polo de atração na região.

 

O Presidente da Câmara Municipal de Tondela

(Dr. José António Jesus)

 

Newsletter

Siga-nos

 

Fale connosco

  Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.   
  +351 232 812 156          +351 232 812 157
  Rua Dr. Ricardo Mota nº 16, 3460-613 Tondela